BOLSAS DE ESTUDOS

Em que consistem?

O programa de bolsas da RECLA tem como objetivo proporcionar um espaço de cooperação em que universidades parceiras da Rede contribuam com bolsas de seus programas de educação contínua, estendendo-as a docentes, funcionários administrativos, formados e estudantes de outras universidades que também fazem parte da RECLA.
Desta maneira, os intercâmbios acadêmicos, a internalização e a mobilidade são incentivados, elementos que são traduzidos em inúmeros benefícios para bolsistas e universidades participantes.

Como participar?

Os parceiros da RECLA oferecem um determinado número de bolsas parciais e integrais em programas de Educação Contínua à Rede. Existem duas modalidades: bolsas integrais de 100% do valor das taxas e bolsas parciais de 50% do valor das taxas.

Para ingressar no programa de bolsas, a instituição parceira deve oferecer no mínimo 5 bolsas integrais e 5 bolsas parciais em pelo menos 3 programas diferentes de educação contínua.

Para oferecer bolsas e fazer parte deste programa, a instituição parceira deve estar em dia com a parcela anual de filiação, além das obrigações com a Rede.

As bolsas oferecidas podem ser em programas de modalidade presencial, virtual ou mista.

As bolsas podem conter assistências complementares para quesitos como transporte, alojamento, manutenção, livros, entre outros.

Os beneficiários das bolsas poderão ser pessoal não docente, docentes, estudantes ou graduados das universidades parceiras da RECLA. Cada universidade realizará a devida divulgação do programa em suas comunidades internas.

Os candidatos às bolsas devem cumprir com os requisitos de admissão requeridos em cada programa, estabelecidos por cada universidade ofertante das bolsas.

Cada parceiro ofertante de bolsas deverá realizar a gestão das inscrições dos participantes interessados e enviar um relatório semestral à Secretaria Geral da RECLA, contendo as seguintes informações: nome e sobrenome dos bolsistas, universidade de origem, cursos realizados, tipos de bolsas outorgadas (100% ou 50%) e valor de cada bolsa em dólares (U$S).

Como os interessados têm acesso às bolsas?

O interessado deverá reunir os requisitos exigidos por cada programa ou curso oferecido.

O interessado deverá realizar o processo de inscrição exigido pela universidade que outorga a bolsa conforme o procedimento definido pela instituição. Os bolsistas deverão cumprir com os regulamentos acadêmicos e disciplinares das universidades que os receberem.

Os beneficiários das bolsas deverão pagar um valor à RECLA a título de custos administrativos:

10% do valor do programa no caso de bolsas integrais.

5% do valor do programa no caso de bolsas parciais.
O interessado deverá escolher um programa acadêmico de uma instituição diferente à qual pertence, ou seja, ele não poderá ter acesso a um programa de sua instituição.

Quais são os prazos da convocatória?

O programa de bolsas é publicado semestralmente.

A oferta de bolsas para o primeiro semestre do ano começa no dia 30/11 do ano anterior e a concessão das bolsas é comunicada a partir de dezembro. Os requerimentos de bolsas para o segundo semestre são recebidos até o dia 30/04 e a concessão é comunicada a partir de maio.

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar